segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Rábano negro e os problemas de vesícula

Hoje fui a mais uma consulta de RPG (Reposição da Postura Global) para cuidar da minha escoliose. Durante a massagem abdominal a fisioterapeuta, que era "nova" para mim porque a que habitualmente está comigo está de férias, sentiu várias tensões musculares em determinados pontos. Em conversa falei-lhe da minha pedra na vesícula e que tinha algumas dores de estômago e problemas intestinais. 


Se é tudo culpa da vesícula ou não eu não sei, o médico diz que sim mas a mim não me convence. 
A fisioterapeuta falou-me então de um tal Rábano Negro, eu nem nunca tinha ouvido falar. Depois de alguma pesquisa os benefícios parecem aliciantes, eu recomendo e vou já amanhã comprar. 


Rábano Negro:

  • Problemas hepáticos e digestivos
  • Fígado e bílis e vias biliares - ajuda a processar as gorduras
  • Controlo do colesterol


Segundo o site da Biovip, Com propriedades colagogas - excitam as vias biliares, facilitando o esvaziamento da bílis contida na vesícula biliar para o duodeno; coleréticas - estimula de forma notável as células do fígado na produção de bílis; antibióticas e peitorais. Por conter sais minerais e vitaminas B e C, melhora o funcionamento da vesícula biliar favorecendo a corrente evacuação da bílis para o duodeno. Contribui assim para o aumento da produção de bílis pelo fígado, o que vai descongestionar e desintoxicar o nosso organismo. Indicado nos casos de hepatite aguda e crónica, doença gorda do fígado, cirrose, intoxicação hepática por fármacos, produtos químicos, assim como nas dispepsias biliares (vesícula preguiçosa), regenera o fígado em caso de degenerescência gorda produzida pelo álcool ou outros tóxicos. É utilizado para litíase biliar, as colecistites (inflamação da vesícula biliar), preguiça hepática, previne e trata as inflamações.

Sem comentários:

Enviar um comentário